Planeta Amazônia - Portal de notícias

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Seminário apresenta soluções de acesso à internet na região amazônica

Durante evento em Belo Horizonte, Rede Nacional de Ensino expôs solução técnica que otimiza conexão no Médio Solimões

Entre os destaques do seminário está uma solução técnica para acesso à internet testada na região do Médio Solimões. Foto: Reprodução

Belo Horizonte – Durante o 20º Seminário de Capacitação e Inovação da RNP (SCI), a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP) apresentou projetos e serviços da sua área que cuida da infraestrutura de redes. Entre eles, uma solução técnica para acesso à internet testada na região do Médio Solimões, no Amazonas. O evento segue até sexta-feira (24), em Belo Horizonte (MG).

O analista de Engenharia de Redes, Rodrygo Córdova, apresentou o projeto de otimização WAN que foca nas redes satélites que impactam a experiência de usuários.

Ele mostrou uma prova de conceito realizada no Instituto Mamirauá, que desenvolve atividades de pesquisa, manejo e assessoria técnica nas áreas das reservas de desenvolvimento sustentável Mamirauá e Amanã.

"A comunicação entre o local e o PoP é realizada por satélites, com conexão saturada. A maior parte dos protocolos é HTTP, que roda em cima de TCP. Antes de realizar a otimização, pudemos observar que instituto tinha média de conexões. Conseguimos quase dobrar as conexões que o Mamirauá podia abrir", relatou Córdova.

Como alguns dos resultados do projeto, ele citou a banda otimizada e a redução da quantidade de dados jogado na WAN.

"Trinta e cinco por cento do tráfego foi otimizado, com aumento de 56% da capacidade HTTP. Passamos de 2.500 para 4.250 conexões totais, com redução da latência e da perda na aplicação, aumentando a experiência do usuário", destacou.

Leia mais...
 

CORRIDA SENADOR JOSÉ BERNARDO CABRAL 2014

Data: 09 de Novembro (domingo)
Local: Fundação Vila Olímpica de Manaus
Manaus/AM

A organização da prova será feita pela Endurance Sports Consulting e, será realizada no domingo, 9 de Novembro de 2014, na cidade de Manaus/AM.
A Corrida será disputada na distância de 5Km e terá como Regras de competição as Normas que regem o Regulamento Geral de Provas de Rua da Confederação Brasileira de Atletismo – CBAt.

Este regulamento e o percurso serão divulgados nos site: www.endurancemanaus.com.br
A II Corrida Senador José Bernardo Cabral 2014 será disputada nas seguintes categorias: masculino e feminino:
I - INDIVIDUAL – Onde cada atleta correrá 5 Km;
II - CADEIRANTE – Destinada aos atletas que necessitam exclusivamente do uso de cadeira de roda esportiva, onde cada atleta correrá 5 Km;
III - DEFICIENTE VISUAL – Somente para atletas com ausência total de visão e que poderão correr acompanhados por um guia, onde cada atleta correrá 5 Km (OBS: O guia não competirá);
Serão desclassificados todos os atletas que não observarem a formação acima descrita.
A largada e a chegada da prova serão na Fundação Vila Olímpica de Manaus, Av. Pedro Teixeira, s/nº, Bairro D. Pedro, sob qualquer condição climática, nos SEGUINTES HORÁRIOS:
I - CADEIRANTE e PORTADOR DE DEFICIÊNCIA VISUAL: 7h00;
II - INDIVIDUAL e EQUIPE: 7h02;
O horário da largada da prova ficará sujeito a alterações em razão de problemas de ordem externa, tais como falhas de comunicação, suspensão no fornecimento de energia, etc.
O posicionamento escolhido pelo ATLETA no local de largada, disponibilizado pela organização é de única e exclusiva responsabilidade do mesmo.
Haverá no local de largada da prova, uma área destinada aos atletas de elite denominada pela organização como PELOTÃO DE ELITE, e, a partir desta, outra área denominada PELOTÃO GERAL.
Os atletas que largarão no pelotão de elite serão os que possuem um currículo de tempos mínimos em provas oficiais. Para participação no pelotão masculino de Elite o tempo referencial é de 16 minutos (5 km). Para participação no pelotão feminino de Elite o tempo referencial é de 18 minutos (5 km). O número máximo de atletas no pelotão de elite é de 50 (cinquenta).
Os tempos para habilitação à prioridade elite só serão aceitos se forem homologados em Provas Oficiais: IAAF, AIMS, CBAt, e FEDERAÇÕES REGIONAIS.
Poderão participar da corrida, atletas de ambos os sexos, regularmente inscritos de acordo com o Regulamento Oficial da prova.
Leia mais...
 

Festival Amazonas de Dança está com inscrições abertas

As apresentações acontecem entre os dias 5 a 7 de novembro, no Teatro Amazonas e no Teatro da Instalação, respectivamente

Manaus – Estão abertas as inscrições para o 6º Festival Amazonas de Dança até o próximo dia 29.

Nesta edição, serão selecionados, via regulamento, disponível no site www.editaisculturamazonas.com, dez espetáculos para a Mostra Principal e outros quatro para a Mostra Paralela.

As apresentações acontecem entre os dias 5 a 7 de novembro, no Teatro Amazonas e no Teatro da Instalação, respectivamente.

Estão habilitados a participar do edital, artistas individuais, grupos e companhias com trajetória comprovada na área.

Quanto a parte técnica, as modalidades Clássica, Moderna, Jazz, Sapateado, Dança de Salão e Urbanas e as linguagens – Contemporânea, Performances, Intervenções e Linguagens de Corpo – também fazem parte dos critérios de seleção da curadoria do evento, formada por representantes da classe e do Estado.

O resultado final será divulgado no dia 31 de outubro e no dia 3 de novembro encerra o prazo para entrega da documentação e assinatura do contrato.

As obras selecionadas para participar da Mostra Principal receberão do Estado R$ 10 mil e R$ 5 mil aquelas inscritas na Mostra Paralela.

Leia mais...
 

Dia Mundial da Osteoporose alerta para perigo da doença entre homens

Para combater o subdiagnóstico da osteoporose no sexo masculino, os homens são o foco da campanha internacional “Ame seus ossos", pelo Dia Mundial da Osteoporose, nesta segunda-feira (20). A doença se caracteriza pelo enfraquecimento dos ossos e acomete principalmente os mais velhos. Essa é uma iniciativa da Fundação Internacional de Osteoporose (IOF em inglês), que conta com o apoio global de diversas instituições.

Leia mais notícias:

Inpa desenvolve creme para tratamento da leishmaniose

Auxiliar de enfermagem infectada na Espanha com ebola tem melhora

A fundação divulgou, em outubro, dados que mostram que um terço de todas as fraturas de quadril no mundo ocorrem em homens, com taxa de mortalidade até 37% no primeiro ano após a fratura, o que significa duas vezes mais que a de mulheres. Isso ocorre, mesmo com uma proporção de incidência de casos em mulheres superior à dos homens -  um em cada três casos, a partir dos 50 anos. Entre o sexo masculino, a proporção é de um homem em cada cinco casos. O relatório do IOF mostra ainda que de 1950 a 2050, o número de homens com 60 anos ou mais – o grupo etário de maior risco de osteoporose – deve aumentar dez vezes.

Para o chefe do Departamento de Medicina Interna do Instituto Nacional do Câncer, Salo Buksman, que atende muitos casos de homens em estágio avançado da doença, a campanha é muito relevante para garantir o tratamento antes da primeira fratura.

“Os homens, a sociedade em geral e mesmo os médicos têm um conceito equivocado de que a osteoporose é uma doença feminina. Há muitos homens com osteoporose, sobretudo depois dos 70 anos”, comentou. “Como o indivíduo não é ciente desse fato, não busca o diagnóstico e só fica sabendo que tem a doença depois da primeira fratura”, destacou Buksman, ao lembrar que a osteoporose é uma das principais causas de quedas e fraturas em idosos.

Leia mais...
 

Comitê da Verdade, Memoria e Justiça do Amazonas lança livro sobre genocídio Waimiri-Atroari.

 

 

MANAUS - O Comitê da Verdade, Memória e Justiça do Amazonas realizou nesta quarta (15), às 16h, no espaço cultural da Livraria Valer, o lançamento do livro “A Ditadura Militar e o Genocídio do povo Waimiri-Atroari”.

O livro de produção coletiva, apresenta o resultado da pesquisa realizada em fontes distintas como relatórios, jornais, revistas, depoimentos de indígenas, pesquisadores entre outros, sobre as ações do regime que se instalou no País com a contra-revolução, em 1964.

 

O livro, impresso pela editora Curt Nimunendajú, denuncia o massacre de cerca de 2.000 indígenas das etnias Waimiri-Atroari entre os anos de 1969 a 1979, durante a construção da BR-174, rodovia que liga Manaus, no Amazonas, a capital Boa Vista, no Estado de Roraima.

última atualização em Sex, 17 de Outubro de 2014 12:31 Leia mais...
 

Mais três espécies de peixes entram na lista de defeso, no Amazonas

Jaraqui, surubim e caparari vão ter a pesca proibida no período de 13 de novembro a 31 de março de 2015

MANAUS - As espécies jaraqui, surubim e caparari entrarão, pela primeira vez, na lista de defeso, que inicia no dia 14 de novembro e segue até o dia 31 de março de 2015. A medida tem a finalidade de proibir a pesca para permitir a reprodução e manutenção dos estoques naturais dessas espécies.

A inclusão das novas espécies foi decidida após votação no Conselho Estadual de Pesca e Aquicultura. “Essas espécies vieram de uma demanda do setor pesqueiro, teve uma votação dentro do Conselho Estadual, que enviou para o Conselho de Meio Ambiente, onde foi editada uma resolução reconhecendo”, afirma Nonata Lopes, gerente de Controle da Pesca do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam).

O tambaqui já está no defeso desde o início do mês de outubro e as espécies como Matrinxã, Pirapitinga, Sardinha, Pacu, Aruanã e Mapará entram no defeso a partir do mês de novembro, juntamente com o Surubim, Carapari e Jaraqui.

O Ipaam vai iniciar no início do próximo mês uma ampla campanha de sensibilização sobre o período de defeso que, segundo Nonata, garante a reposição das espécies e a manutenção sustentável do setor pesqueiro. “Durante esse período o pescador tem direito ao seguro defeso desde que tenha a carteira emitida pelo Ministério da Pesca. A atuação do Ipaam se dá não só na fiscalização mas também na conscientização. Nós  esclarecemos que esse período de reprodução da espécie é importante para, com isso, ter uma reposição dos estoques pesqueiros. A pesca envolve 70% da população no interior e é muito importante para o próprio pescador a proteção dessas espécies para ter sempre o seu trabalho”, ressaltou.

Leia mais...
 

CORRIDA UNIVERSITÁRIA 2014

Data: 01 de novembro (sábado)
Horário: 17h00
Local: Campus da Universidade Nilton Lins
Manaus/AM
PROVA
A organização da prova será feita pela Endurance Sports Consulting e, será realizada no sábado, 1 de Novembro de 2014, na cidade de Manaus/AM.
A CORRIDA será disputada na distância de 5Km e terá como Regras de competição as Normas que regem o Regulamento Geral de Provas de Rua da Confederação Brasileira de Atletismo - CBAt.
Este regulamento e o percurso serão divulgados nos site: www.endurancemanaus.com.br
A Corrida Universitária 2014 – Será disputada nas seguintes categorias masculino e feminino:
I - INDIVIDUAL, onde cada atleta correrá 5 Km;

II - CADEIRANTE - Somente para os atletas que necessitam exclusivamente do uso de cadeira de roda esportiva, onde cada atleta correrá 5 Km;

III – PORTADOR DE DEFICIÊNCIA VISUAL – Somente para os atletas com ausência total de visão e que poderão correr acompanhados por um guia, onde cada atleta correrá 5 Km (OBS: O guia não competirá);
Serão desclassificados todos os atletas que não observarem a formação acima descrita.
A largada e a chegada da prova serão no Campus da Universidade Nilton Lins, s/nº, CEP 69058-030, em frente ao Hospital UNIMED Manaus, sob qualquer condição climática, nos seguintes horários:

I - CADEIRANTE e PORTADOR DE DEFICIÊNCIA VISUAL 17h00;
II - INDIVIDUAL 17h02;
O horário da largada da prova ficará sujeito a alterações em razão de problemas de ordem externa, tais como falhas de comunicação, suspensão no fornecimento de energia, etc.
O posicionamento escolhido pelo ATLETA no local de largada, disponibilizado pela organização é de única e exclusiva responsabilidade do mesmo.
Haverá no local de largada da prova, uma área destinada aos atletas de elite denominada pela organização como PELOTÃO DE ELITE, e, a partir desta, outra área denominada PELOTÃO GERAL.
Os atletas que largarão no pelotão de elite serão os que possuem um currículo de tempos mínimos em provas oficiais. Para participação no pelotão masculino de Elite o tempo referencial é de 16 minutos (5 km). Para participação no pelotão feminino de Elite o tempo referencial é de 18 minutos (5 km). O número máximo de atletas no pelotão de elite é de 50 (cinquenta).
Os tempos para habilitação à prioridade elite só serão aceitos se forem homologados em Provas Oficiais: IAAF, AIMS, CBAt, e FEDERAÇÕES REGIONAIS.
Poderão participar da corrida, atletas de ambos os sexos, regularmente inscritos de acordo com o Regulamento Oficial da prova.
Leia mais...
 


Página 1 de 116

Visitas ao Site

contador de acesso

Entre nessa rede

Notícias G1

Loading feeds...

Classes in Delhi NCR

Preservar...

Clima Tempo

Galeria

Please wait while JT SlideShow is loading images...
Photo Title 1Photo Title 2Photo Title 3Photo Title 4Photo Title 5

Login

Get the Flash Player to see this player.

2010 planetamazonia.com.br. Todos os direitos reservados. Política de privacidade.